Páginas

quarta-feira, 11 de setembro de 2019

Ocian/MRW encara a AABB pelo Futsal Adulto Masculino

Time Praiagrandense joga em Sampa
 pela segunda rodada do Estadual da Série A1
Nesta quinta-feira (12/09), às 19 horas, no Ginásio da Associação Atlética Banco do Brasil (AABB), em São Paulo, na Capital, a equipe de Praia Grande, Ocian PC/MRW ( SEEL, Sucos Camp, Centro de Formação de Atletas e LPFS) joga contra a equipe  da AABB / MAPFRE, em confronto válido pela segunda rodada do Campeonato Estadual de Futsal Masculino Adulto (idade livre), série A-1, evento regido pela Federação Paulista (FPFS).

No último sábado (07/09), no Ginásio Presidente Ciro II, em São Paulo, na estreia, o selecionado de Praia Grande empatou com o time do Santo André Futsal por 2 a 2 (gols de Guilherme Rossini). No total, cinco agremiações disputam o título estadual. Além de Praia Grande e Santo André, competem os times do Aroeira Futsal/Pequeno Mestre/Embu das Artes, Associação Desportiva Real Madruga/Araçatuba e Associação Atlética Banco do Brasil (AABB)/Mapfre. Na primeira fase, todos jogam contra todos, em turno e returno. Os quatro melhores selecionados qualificam-se a fase semifinal.

Jogam pela Cidade Renan Santiago Estriga, Vinicius Silva Gabia, André Pires de Oliveira Dias, Otavio Luis Lourenço e Silva, Amilson Arthur Pedroso, Lucas Jun Kusano, Caio de Toledo Soares, Jonatas Michel de Cardoso Vieira, Waldir Linhares Neto, Rafael Matheus Monzem, Thiago Augusto Cunegundes Costa Barbosa, Eiji Fujinami Gonçalves, Victor Curiel Passeri, Felipe Guimarães Marco e Guilherme Ferreira Rossini. Técnico: Thiago André Rigon. Auxiliar: Gustavo Santiago Silva.

Dados – No primeiro semestre, o time de Praia Grande/Ocian Praia Clube/MRW disputou o Campeonato Paulista Penalty de Futsal Masculino Adulto, série A-1, evento também regido pela Federação Paulista (FPFS). A equipe municipal chegou à fase quartas de final (oito melhores), na qual foi derrotada em dois confrontos pelo forte grupo do Sport Club Corinthians Paulista por 7 a 1 e 5 a 0.

Na primeira fase, a turma de Praia Grande/Ocian Praia Clube/MRW ficou em terceiro lugar no grupo B com 10 pontos, três vitórias, um empate, quatro derrotas, 13 gols feitos e 17 sofridos. Juntando todos os grupos (A, B e C) fez a quinta melhor campanha. Confira os resultados: Praia Grande x Guarujá (1 x 0 e 2 x 0), Praia Grande x São José Futsal EO (2 x 4 e 1 x 2), Praia Grande x Taboão da Serra (3 x 1 e 2 x 2) e Praia Grande x SC Corinthians Paulista (1 x 3 e 1 x 5).

Parceria – A turma do MRW futsal é de São Paulo, Capital, e já está na segunda temporada de parceria com o grupo de Praia Grande/Ocian Praia Clube. Em 2018, o time adulto masculino Praia Grande/Ocian/MRW foi vice-campeão do torneio da primeira divisão dos Jogos Regionais (feito inédito) e conquistou a quarta colocação no torneio da segunda divisão dos Jogos Abertos do Interior. Vale destacar que, para esta temporada, a equipe feminina do MRW também representa Praia Grande nas competições do Estado. Outras informações podem ser obtidas no site https://www.facebook.com/mrwfutsal.

Judocas de PG conquistam cinco medalhas em dois eventos

5º São Paulo Open Veterano e Katá
A equipe de judô de Praia Grande (SEEL - e Judô Praia Grande) conquistou cinco medalhas (dois ouros, uma prata e dois bronzes) em dois eventos regidos pela Federação Paulista (FPJ): no 5º São Paulo Open Veterano e Katá, e no 23º Torneio de Itapira (que teve apoio da 15ª Delegacia Regional da FPJ). As duas disputas foram realizadas no último final de semana (7 e 8).

O 5º São Paulo Open Veterano e Katá ocorreu no Ginásio Poliesportivo Antônio Baldusco, em Itapecerica da Serra. Nesta disputa, a turma de Praia Grande faturou uma medalha de prata com Carlos Leonardo Borges da Silva, de 39 anos, na categoria veterano 2 (35 a 39 anos), no peso ligeiro (até 60 quilos). Neste ano, ele já havia sagrado-se vencedor da 2ª Copa São Bernardo do Campo, vice-campeão paulista e da Copa São Paulo.



23º Torneio de Itapira
Itapira – O 23º Torneio de Itapira aconteceu no Ginásio Poliesportivo Itapirão. Neste evento, o time de Praia Grande faturou duas medalhas de ouro e duas de bronze ficando em 21º lugar entre 34 agremiações. Os primeiros lugares vieram com Caio de Carvalho Cucato na sub-15 no meio-pesado (58 a 64 kg) e Matheus Ferreira de Aquino na sub-18 no meio-leve (55 a 60 kg). Terceiras colocações para Vinicius Barlette Giordano na sub-9 no ligeiro (23 a 26 kg) e Pedro Dezordi Mulha na sub-9 no meio-médio (32 a 36 kg).

Vale frisar que o grupo de Praia Grande tem comando técnico dos professores Alberto Silva Bittencourt, Rodrigo de Matos e Felipe César Camilo de Oliveira. A equipe municipal treina no Centro de Excelência Professor João Carlos Ribeiro Manso Júnior (localizado na esquina das ruas Arari e Carimbó, Bairro Tupi – anexo ao Ginásio Rodrigão - Avenida Presidente Kennedy, 5593, Bairro Tupi), de segundas as sextas-feiras, após ás 17 horas.

Natação PG disputa a 7ª etapa do Torneio Regional

Equipe de  PG , disputa torneio regional
Neste sábado (14/09), a partir das 9 horas, na piscina de 25 metros do Clube Internacional de Regatas, em Santos, a equipe de Praia Grande ( SEEL –, Natação Praia Grande e Associação de Pais e Amigos dos Desportistas do Litoral Paulista) participa da sétima etapa do Torneio Regional de Natação, nas categorias petiz 1 e 2 (11 e 12 anos), infantil 1 e 2 (13 e 14), juvenil 1 e 2 (15 e 16), júnior (17 e 18) e sênior (mais de 18), na feminina e masculina.

A disputa, promovida pela 7ª Delegacia do Litoral da Federação Aquática Paulista (FAP), não oferta medalhas aos atletas. Os técnicos a utilizam para avaliar a evolução dos tempos e corrigir detalhes técnicos de cada nadador. Também não há separação por faixa etária. Os desportistas nadam todos juntos, independentemente da idade. Ao final, forma-se uma classificação que os separou pelos melhores tempos e por idade.

No total, entram na água mais de 200 atletas de 10 agremiações do Estado de São Paulo: Natação Praia Grande, Clube Internacional de Regatas, Universidade Santa Cecília (Unisanta), Clube de Regatas Tumiaru (São Vicente), Escola de Natação Moby Dick (Guarujá), Grêmio Municipal de Itanhaém, ADA Osasco, Clube Esperia (São Paulo), Sport Club Corinthians Paulista (SP) e Associação Atlética Banco do Brasil – AABB (SP).

Natação Praia Grande - Sob comando técnico do professor Régis dos Anjos Aguiar, e com auxílio de Cássio Prandi, 24 atletas representam Praia Grande nas provas de 50, 100 e 200 metros peito; 50, 100 e 200 costas; 50, 100 e 200 borboleta; 50, 100, 200, 400, 800 e 1.500 livres; 100, 200 e 400 medley. Confira os integrantes do time municipal:

petiz 1
Maria Victória Chianquini
Giovana Flor Galdino Souza
Ana Beatriz Gonçalves Rodrigues
Miguel Arcanjo do Nascimento Barrada

petiz 2
Caroline Gomes Gaia
Nicolle Rossi de Sena
Alicia Natasha Machado Tavares
Pablo Henrik da Silva Sales
Guilherme Lopes Saavedra

infantil 1
Maria Eduarda de Oliveira Rodrigues
Sabrina Crocci da Silva
Gabriel Kevin Souza Cruz
Daniel Rezende Fidélis
João Pedro Cabral Domeneguetti

infantil 2
Michelle Kaylane Bastos de Alencar
Gustavo Xavier Nogueira
Pedro Henrique de França Cipriano

Juvenil 1
Italo Bressane da Costa
Carlos Alexandre do Nascimento Barrada

juvenil 2
Gabrielle da Cunha Souza e Silva
Guilherme da Silva Serrano
Luan Alves Jekabson

júnior 2
João Vitor Xavier Nogueira

Sênior

Patrícia Pedroso Neumann.

Vôlei feminino de PG joga em Guarulhos

Time sub17 joga em Guarulhos pelo estadual
Nesta sexta-feira (13/09), às 19 horas, no Ginásio Ponte Grande, em Guarulhos, a equipe sub-17 (infantil) de Praia Grande (SEEL) enfrenta a equipe  da APROV/Guarulhos, em duelo válido pela 16ª rodada da primeira fase do Campeonato Estadual de Vôlei Feminino promovido pelo Sindicato dos Clubes do Estado de São Paulo (Sindiclube).

Os times sub-15 (mirim) e adulto (idade livre) da Cidade só voltam a jogar no próximo dia 20. Na classificação parcial da competição, as meninas adultas (idade livre) de Praia Grande ocupam a terceira posição com três triunfos e três derrotas. A turma sub-17 (infantil) da Cidade é a 13ª melhor (entre 18) com dois ganhos e 13 perdas. Já a sub-15 da Cidade está na 14ª colocação (entre 15 participantes) com 11 derrotas. Vale frisar que os times da Cidade são comandados pela professora Paula Rita Camerini, com auxílio de Ana Lúcia Ribeiro e Ivy Carolina Barbosa Gabardo.

Dados – Em 2018, a turma sub-17 de Praia Grande conquistou o terceiro lugar da série bronze (reuniu os times que ficaram entre o 13º e 17º lugar na primeira fase) do Campeonato Estadual de Vôlei Feminino do Sindicato dos Clubes do Estado de São Paulo (Sindiclube). O time sub-19 sagrou-se campeão da série prata (competiram os times que terminaram das quinta a sétima colocações na primeira fase). O selecionado adulto (idade livre) de Praia Grande ficou com a medalha de bronze na série ouro.

Antes de 2018, a última vez que as equipes femininas de Praia Grande participaram do Campeonato Estadual de Vôlei do Sindiclube foi em 2014. Naquele ano, o time adulto sagrou-se vice-campeão da série ouro (equipes que ficaram nas três primeiras posições na etapa inicial do torneio). A turma infanto-juvenil também foi vice-campeã só que na série prata (equipes que ficaram de quinto a oitavo lugares na etapa inicial do torneio). Em 2013, o time adulto sagrou-se campeão da série prata. Em 2012, o adulto conquistou o segundo lugar na disputa da Taça de Prata do Campeonato de Vôlei do Sindiclube. Já o grupo infanto-juvenil conquistou medalha de bronze na disputa da Taça de Prata.

Resultados – Confira todos os resultados dos times femininos de Praia Grande no Campeonato Estadual de Vôlei do Sindiclube 2019:

Sub-15 - Jogam pela Cidade Amanda Rodrigues Solano, Beatriz da Silva Araújo, Beatriz Pereira Quintiliano, Bruna Tavares Nogueira Zem, Isadora Frederico Simões, Isadora Oliveira Montóia, Julia Borges Prado, Lara Losovoi Tomazini, Maria Eduarda Amancio Zamboni, Maria Eduarda Ferreira da Rocha, Maria Eduarda Sales Ferreira e Sabrina Bacalow Antunes. Técnica: Paula Rita Camerini.

1ª fase
12/4 – Praia Grande 0 x 3 Esporte Clube Pinheiros (9/25, 15/25 e 17/25)
9/5 – AABB-SP 3 x 0 Praia Grande (25/14, 25/11 e 25/14)
18/5 - Praia Grande 0 x3 A Hebraica (22/25, 13/25 e 22/25)
8/6 - Praia Grande 0 x 3 CC Regatas e Natação (1/25, 10/25 e 14/25)
3/7 – CE Penha 3 x 0 Praia Grande (25/11, 25/16 e 25/11)
10/8 - Clube Atlético Ypiranga 3 x 0 Praia Grande (25/9, 25/12 e 25/14)
15/8 – Clube Atlético Paulistano 3 x 0 Praia Grande (25/9, 25/8 e 25/9)
23/8 – EC Banespa 3 x 0 Praia Grande (25/14, 25/2 e 25/10)
30/8 - Clube Espéria 3 x 0 Praia Grande (25/17, 25/16 e 25/21)
2/9 – Praia Grande 0 x 3 Clube Internacional de Regatas/Santos (20/25, 12/25 e 23/25)
6/9 – Praia Grande 0 x 3 Primeiro de Maio FC/Santo André (11/25, 11/25 e 11/25)

Sub-17 - Competem por Praia Grande as jogadoras Ana Carolina Rosário Carvalho, Ana Luiza Bassedon Thereza, Anna Karolina da Silva Lima Gomes, Caylane Vicente Moreira Dias Assiaz, Gabrielly Oliveira de Jesus, Ingridy Pascotto Diguê, Julia Libonatto Zava, Laysa Cristini Alves Domingues, Lohanna Bissolati, Ranya Jamilli Pavezi Gonzales, Sofia Stefano Mieres, Victoria de Oliveira Antunes e Victoria Silva Ferreira dos Santos. Técnica: Paula Rita Camerini.

1ª fase
6/4 – Praia Grande 0 x 3 Alphaville Tênis Clube (14/25, 18/25 e 16/25)
24/4 - Esporte Clube Pinheiros 3 x 0 Praia Grande (25/13, 25/8 e 25/4)
9/5 – Praia Grande 0 x 3 AABB-SP (17/25, 12/25 e 24/26)
18/5 - Praia Grande 3 x 1 A Hebraica(25/17, 25/23, 25/22 e 19/25)
6/6 – Clube Atlético Ypiranga 3 x 0 Praia Grande (25/15, 25/16 e 25/14)
8/6 - Praia Grande 0 x 3 CC Regatas e Natação (10/25, 21/25 e 8/25)
28/6 - Esporte Clube Banespa 3 x 0 Praia Grande (25/8, 25/16 e 25/12)
29/6 - Praia Grande 0 x 3 Esporte Clube Pinheiros (17/25, 13/25 e 23/25)
3/7 – CE Penha 1 x 3 Praia Grande (25/21, 25/27, 15/25 e 16/25)
6/7 – Associação dos Oficiais da Polícia Militar 3 x 2 Praia Grande (19/25, 20/25, 26/24, 25/18 e 15/8)
10/8 - Clube Atlético Ypiranga 3 x 0 Praia Grande (25/19, 25/12 e 25/13)
15/8 – Clube Atlético Paulistano 3 x 0 Praia Grande (25/13, 25/12 e 25/16)
21/8 – Círculo Militar de São Paulo 3 x 0 Praia Grande (25/21, 25/18 e 25/18)
24/8 – Praia Grande 2 x 3 Ribeirão Pires Futebol Clube (25/20, 27/25, 21/25, 16/25 e 14/16)
5/9 – Clube Internacional de Regatas/Santos 3 x 1 Praia Grande (25/27, 21/25, 22/25 e 21/25)

Adulta - Jogam pela Cidade Aline Santos Souza, Ana Lúcia Ribeiro, Bianca Passio Pimentel, Beatriz Pontes Gonçalves, Erika Moura Gama, Fernanda Rocha Martins, Geovana Coutinho Santos, Iris Costa Batista, Ivy Carolina Gabardo, Joyce da Silva Lima, Julia Costa da Silva, Lana Almeida da Silva, Larissa Melo dos Santos, Maria Fernanda Sena, Michele Lins Dias, Nayara Oliveira Luz, Nycole Rabello Moreno, Roberta Carlos da Silva, Sabrina Orlando Smith e Taciane Menezes Fonseca. Técnica: Paula Rita Camerini.

1ª fase
4/5 - Praia Grande 3 x 1 Esporte Clube Pinheiros (25/21, 25/12, 25 e 23 e 17/25)
11/5 – Praia Grande 2 x 3 Clube Atlético Ypiranga (25/18, 26/24, 24/26, 19/25 e 8/15)
8/6 - Praia Grande 3 x 0 Associação Desportiva São Bernardo do Campo/Mangels (25/13, 25/23 e 25/19)
29/6 - Praia Grande 2 x 3 APROV/Guaru (25/23, 25/12, 21/25, 17/25 e 14/16)
17/8 - Clube Atlético Ypiranga 1 x 3 Praia Grande (25/13, 22/25, 21/25 e 19/25)

7/5 – Praia Grande 3 x 1 AD São Bernardo do Campo/Mangels (25/18, 25/23, 25/18 e 21/25).

Ocian encara o São Paulo FC, pelo Paulista de futsal de base

Ocian x SPFC, acontece domingo no Rodrigão as 9hs
Neste domingo (15/09), a partir das 9 horas, no Ginásio Rodrigão (Avenida Presidente Kennedy, 5563, Bairro Tupi), em Praia Grande, os times masculinos sub-12, sub-14, sub-16 e sub-18 do Ocian Praia Clube (SEEL, Sucos Camp, Colégio Objetivo, Bailon, Osan, Centro de Formação de Atletas e LPFS) jogam contra as equipes do São Paulo Futebol Clube, em confrontos válidos pela quarta rodada da chave A do Campeonato Estadual de Futsal, série A-1, evento regido pela Federação Paulista (FPFS).

Na classificação parcial do grupo A da competição estadual, a equipe sub12 de Praia Grande é a quarta colocada, com seis pontos, duas vitórias, duas derrotas, 8 gols feitos e 8 sofridos.  - Na categoria  sub14 está na terceira, com nove pontos, três triunfos, uma perda, 16 gols anotados e 10 levados. -Pela categoria sub16 ocupa a quinta, com cinco pontos, um ganho, dois empates, uma perda, 8 gols feitos e 10 sofridos. - Já na categoria sub18 é a sétima com quatro pontos, uma vitória, um empate, duas derrotas, 15 gols prós e 22 contras.

Dados - Na primeira fase, os times de Praia Grande estão na chave A, na qual enfrentam os de Taboão da Serra, FAE/Osasco, Sociedade Esportiva Palmeiras, São Paulo Futebol Clube, Elite Itaquerense, Botucatu, Pindamonhangaba e Liga de São Caetano do Sul. No B, competem Sport Club Corinthians Paulista, CE Penha, Wimpro Guarulhos, São José dos Campos, São Bernardo do Campo, Lausanne Paulista, Tabuca Júniors, Taubaté e São Caetano FC. No C, duelam Santos FC, Magnus Sorocaba, Inter/Santos, AABB, Indaiatuba, Mogi das Cruzes, Caieiras, Itapevi, Associação Desportiva Santo André e BLD/Santo André.

Segundo o regulamento, 28 agremiações, divididas em três chaves, participam da competição. Na primeira fase, os times jogam todos contra todos, dentro de cada chave, em turno único. Para a segunda fase, qualificam-se os 24 melhores estabelecidos por um ranking de eficiência por meio de índice técnico (somatória da pontuação obtida nas três categorias, divididos pelos números de jogos realizados pelas equipes, multiplicados por 10). A partir daí, são criadas três divisões: ouro (reúne os times que ficaram entre os oito primeiros colocados no ranking), prata (9º ao 16º) e bronze (17º ao 24º).

Confira as escalações e todos os resultados dos times de Praia Grande no Campeonato Estadual de Futsal, série A-1, de 2019:

Sub-12 – Representam Praia Grande os jogadores Matheus Sousa Leite, Miguel Meireles do Amaral, Pietro Santos Coelho, Rafael Santos Fredd, Gustavo Oliveira Marques, João Pedro Cartezani, Francesco Pozzo, Rodrigo de Moraes Filho, Guilherme Sousa Gomes, Vinicius Andrade, Bruno Ribeiro Duarte, Wallace Izzo, Rafael Martins, Lucas Freire, Luiz Santos, Gustavo Lomas, Matheus Jovito Ramyro e Gustavo Lomas. Técnico: Matheus Cassita Gonçalves. Auxiliar: Matheus Vazquez Nascimento.

1ª fase
10/8 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 2 x 3 Liga Sancaetanense
17/8 - Associação Atlética Botucatuense 3 x 1 Praia Grande/Ocian Praia Clube
25/8 - Praia Grande/Ocian Praia Clube 3 x 1 FAE/Osasco/Audax
31/8 - SEMELP Pinda/Ferroviária/Grêmio União 1 x 2 Praia Grande/Ocian Praia Clube

Sub-14 – Representam Praia Grande os jogadores Marcelo Cornachini Junior, Davi Prates Tavares, Paulo de Oliveira Matos, Lincoln Antunes, Luiz Gomes, Lucas Morales Martins, Marcos Ferretti Denigres, Yan Petrick Couto, Kauê Sena Carvalho, Kauê Siqueira Pegas, Pedro Ramiel, Ycaro Araújo Flores, Maurilio Garcia de Oliveira, Vinicius Oliveira, Renan Macedo, Julio Araujo Filho, Guilherme Rosa, Gabriel Jeronimo Alves e Gustavo Nunes Gomes. Técnico: Matheus Cassita Gonçalves. Auxiliar: Matheus Vazquez Nascimento.

1ª fase
10/8 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 4 x 3 Liga Sancaetanense
17/8 - Associação Atlética Botucatuense 1 x 5 Praia Grande/Ocian Praia Clube
25/8 - Praia Grande/Ocian Praia Clube 3 x 4 FAE/Osasco/Audax
31/8 - SEMELP Pinda/Ferroviária/Grêmio União 2 x 4 Praia Grande/Ocian Praia Clube

Sub-16 – Representam Praia Grande os jogadores Nathan de Lima Costa, André Tavares, Matheus Oliveira, Cauê Nardin Fernandes, Bruno Cardoso de Amorim, Márcio Queiroz, João Victor Soares, Mike Iverson Barriento, Leonardo Aurichio, Cleberson de Oliveira Neves, Kauê Gomes, Rafael Expedito, José Tanan, Fernando Souza, Juan Oliveira Ribeiro e Lucas Vasconcelos. Técnico: Caio Bruno Monzem. Auxiliar: Marcos Alves de Souza Júnior.

1ª fase
10/8 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 1 x 5 Liga Sancaetanense
17/8 - Associação Atlética Botucatuense 3 x 5 Praia Grande/Ocian Praia Clube
25/8 - Praia Grande/Ocian Praia Clube 0 x 0 FAE/Osasco/Audax
31/8 - SEMELP Pinda/Ferroviária/Grêmio União 2 x 2 Praia Grande/Ocian Praia Clube

Sub-18 – Representam Praia Grande os jogadores José Santana, Gustavo Camargo Bernardes, Giovanni Marques de Souza, João Mendes Penariotti, Mateus Riechelmann, Matheus Queiroz, Brayan Rodrigues, José Trigueiro Silvestre, Lucas Abreu Romão, Gabriel de Souza Fontes, Edson Oliveira, Edward Riquelme Oliveira, João Aguiar, Victor Ferreira Dias e Gustavo Vieira Gomes. Técnico: Caio Bruno Monzem. Auxiliar: Matheus Vazquez Nascimento.

1ª fase
10/8 – Praia Grande/Ocian Praia Clube 5 x 5 Liga Sancaetanense
17/8 - Associação Atlética Botucatuense 7 x 8 Praia Grande/Ocian Praia Clube
25/8 - Praia Grande/Ocian Praia Clube 0 x 4 FAE/Osasco/Audax
31/8 - SEMELP Pinda/Ferroviária/Grêmio União 6 x 2 Praia Grande/Ocian Praia Clube.

Retrospecto – No Paulistão de Futsal de 2018, a turma sub-12 de Praia Grande chegou as quartas de final da série prata. As sub-14 e sub-18 despediram-se nas quartas de final da série bronze. A sub-16 caiu ainda na primeira fase. Em 2017, a equipe masculina sub-14 de Praia Grande ficou com a inédita medalha de prata. A sub-12 caiu na fase quartas de final da série prata. Já as sub-16 e sub-18 foram eliminadas na primeira fase.

Em 2016, competindo pela primeira vez na A-1, os times sub-10 e sub-16 da Cidade chegaram até a fase oitavas de final (16 melhores). Já as turmas sub-12, sub-14 e sub-17 foram desclassificadas na fase de grupos. Em 2015, na série A-2, os selecionados masculinos sub-10 e sub-16 de Praia Grande conquistaram, pela primeira vez, medalhas de ouro no Campeonato Estadual de Futsal. A turma local sub-14 ficou com a prata. A sub-12 parou nas quartas de final e a sub-17 nas oitavas de final.

Em 2014, na A-2, o time sub-10 de Praia Grande garantiu a prata. O time sub-14 da Cidade terminou em quarto lugar. Em 2013, as equipes sub-9 e sub-13 de Praia Grande chegaram as quartas de final. Em 2012, os times locais sub-9, sub-11, sub-13 e sub-17 ficaram entre as oito melhores. Em 2011, a sub-15 terminou em quarto lugar. Em 2010, a turma sub-17 conquistou o inédito título estadual. A equipe sub-15 ficou com o bronze. Em 2009, o sub-11 sagrou-se campeão do certame. Já a turma sub-15 acabou em quarto lugar.

Time feminino de PG joga na Copa LBBS de Basquete

Equipe sub16  joga sabado em Cubatão
Neste sábado (14/09), a partir das 9 horas, no Ginásio do Centro Esportivo Ayrton Romero da Nóbrega, em Cubatão, o time feminino sub-16 de Praia Grande (SEEL, Associação Realizar, Centro Educacional Vila Verde e Faculdade Praia Grande – FPG) disputa a quinta rodada da Copa de Basquete promovida pela Liga de Basketball da Baixada Santista (LBBS) com chancela da Federação Paulista (FPB).

As meninas da Cidade enfrentam as de Cubatão e Mongaguá. O grupo praia-grandense é líder invicto da competição regional. Nesta categoria, três equipes jogam em formato de circuito (todas contra todas), em um mesmo dia e local. Na quarta rodada, elas superaram as de Cubatão por 46 a 9 e as de Mongaguá por 37 a 15. Na terceira rodada da Copa LBBS de Basquete, as meninas de Praia Grande derrotaram as de Cubatão por 46 a 14 e as de Mongaguá por 38 a 18. Na segunda, ganharam de Cubatão por 54 a 17 e Mongaguá por 34 a 12. Na primeira, venceram os selecionados de Cubatão por 46 a 6 e de Mongaguá por 31 a 13.

Jogam por Praia Grande as atletas Adriany Gama, Alanis Lira, Camille Ferreira, Débora Melo, Ewelyn Meira, Heloisa Giordano, Júlia Beserra, Júlia Araújo, Lorrane Lyandra, Maria Vitória Azevedo, Mayra Albano, Meriel Latifah, Veronica Matos, Victória Cruz e Vitória Fidélis. Técnica: Alessandra Hourneaux. Auxiliares: Mariana Manna e Osvaldo Pinheiro.

Masculina - A equipe masculina sub-17 de Praia Grande (Secretaria de Esporte e Lazer – SEEL, Associação Realizar, Centro Educacional Vila Verde e Faculdade Praia Grande – FPG) está classificada para a segunda e decisiva fase (play-offs) da Copa de Basquete promovida pela Liga de Basketball da Baixada Santista (LBBS) com chancela da Federação Paulista (FPB). Ainda não há data definida dos play-offs.

O grupo municipal terminou a primeira fase da competição invicto e com 100% de aproveitamento (oito vitórias). Nas partidas anteriores, a seleção praia-grandense ganhou de Mongaguá por 92 a 19 e 96 a 19, Colégio Liceu Santista por 54 a 51 e 73 a 56, Basquete Cubatão por 65 a 32 e 113 a 23, Vasco/Febre por 63 a 21 e 82 a 26.

Jogam por Praia Grande André Conceição, Anthony Freire, Elias Souza, Gabryel Bezerra, Gustavo Capel, Jeferson Silva, João Lucas Sanz, João Pedro Quirino, Jorge Antônio Barros, Luís Eduardo Santos, Luiz Henrique Piva, Murilo Félix, Pablo Aguiar, Rafael Messias Júnior, Ruan Aparecido, Shamuel Barbosa, Thiago Chaud, Vicenzo Carvalho e Vitor Munari. Técnico: Osvaldo Pinheiro. Auxiliares: Fábio Silva e Mariana Manna.

Festival de Ginástica Rítmica movimentou PG

Evento reuniu mais de 100 atletas de cinco agremiações
Mais de 100 atletas, de cinco agremiações, movimentaram o 2º Festival de Ginástica Rítmica de Praia Grande, evento regido pela empresa MT Serviços com apoio da SEEL. Participaram atletas de Praia Grande, Academia Impacto Itanhaém, Studio Janyne Bauer Peruíbe, Colégio CETEC São Paulo e Projeto Maria Lúcia SP. -  Mais de 200 pessoas acompanharam as disputas das arquibancadas do Ginásio Rodrigão (Bairro Tupi). A competição foi realizada no último domingo (8/09).

“Só posso agradecer a participação de todos os atletas que fizeram belíssimas apresentações; assim como a presença dos pais, familiares e público em geral que valorizaram muito o nosso Festival”, avaliou a técnica da equipe de competição de ginástica rítmica de Praia Grande Flávia Beatriz Ferro. “Parabenizo também as ginastas da Cidade que conseguiram ótimas performances e me deixaram muito orgulhosa”.

Dados – No festival, disputaram-se as provas de mãos livres (nível técnico A e B), corda (C), arco (D), bola (E), fita (F) e maças (G); nas categorias pré-mirim (até 8 anos), mirim (9 e 10), infantil (11 e 12), juvenil (13 a 15), adulto (mais de 16 anos). Representaram Praia Grande na pré-mirim, as ginastas Maria Graziolli, Ana Neves, Mylena Conceição, Melissa Ferreira, Mariana Lima, Alice Ayumi, Keyone Moura, Lorena Santana, Mariana Silva, Amanda Pacheco, Cecília Garcia, Brenda Camilly, Stella Pereira, Sophie Maldonado e Sofia Baroni.

Na mirim competiram Ana Boffo, Helena Fortmuller, Vitoria Simões, Manoela Belchior, Amanda Azenha, Lorena Benetez, Maria Boareto, Nara Kemelly, Jhoana Oliveira, Ana Amorim, Natalia Uva, Sandryne Carvalho, Maria Avelino, Laura Olah, Jessica CaraJorge, Eloisa Pacheco, Geovanna Lobo, Laura Lopes, Eduarda Dias, Ana Abade, Livia Albino, Brenda Soares, Anna Souza, Laura Bastos, Sarah Portela, Julia Cabral, Gabriela Lacerda, Brenda Montes, Yamilly Maguita, Maria Bernardo, Giulia Boscolo e Ana Souza. Na infantil, apresentaram-se Samilly Anizia, Giulia Seivane, Thayná Cavalcante, Larissa Gonçalves, Isabella Aguiar, Karen Sartori e Isabela Puliti.

Participaram ginastas que competiram na Copa São Paulo nível 3. Contudo, foi vedada a presença de atletas federadas que atuaram nos últimos dois anos na Copa São Paulo nível 1, 2 e 3. As três primeiras colocadas de cada prova ganharam medalhas de ouro, prata e bronze. As três melhores equipes levaram troféus. Outras informações podem ser obtidas nos emails flaviabeatrizferro@gamil.com e tatibucheb@gmail.com.

Em 2018, na primeira edição do Festival, a turma de Praia Grande sagrou-se campeã geral com 13 medalhas (oito ouros, quatro pratas e um bronze). Por equipes, a turma de Praia Grande somou 85,40 pontos. Na sequência, terminaram as meninas de Itanhaém com 82,80; Peruíbe com 82,50; e Registro com 80,50. Participaram ainda os times de Caraguatatuba, Cruzeiro/São Paulo, Grêmio Recreativo São José, Condominío Colinas de São José dos Campos, Colégio Nova Estrela Guia/SP, Colégio CETEC/SP, Esporte Conviver/SP e Projeto Maria Lúcia/SP.

Polo - A Secretaria de Esporte e Lazer (SEEL) de Praia Grande disponibiliza gratuitamente para as meninas da Cidade, de 6 a 16 anos, polo de iniciação, treinamento e desenvolvimento competitivo de ginástica rítmica desportiva. Os treinos acontecem no Ginásio da SEEL (Avenida Ministro Marcos Freire, 33579, Bairro Tupiry - entrada pela Rua João Balbino Corrêa, s/nº), de segunda a sexta-feira, das 8 às 17 horas, sob responsabilidade técnica da professora Flávia Beatriz Ferro.

As aulas de iniciação ocorrem por meio do Programa SuperEscola que atende estudantes (meninos e meninas, com e sem deficiência física, visual e intelectual) de Ensino Fundamental de escolas públicas e particulares, objetivando a inclusão social por meio do esporte, no contraturno escolar. Os responsáveis interessados devem procurar o polo onde as aulas são realizadas. Em caso de turmas cheias, será elaborada lista de espera pelo professor da modalidade. Outras informações também podem ser obtidas pelos telefones 3496-5611 e 3496-5614.
As aulas de treinamento e desenvolvimento competitivo ocorrem por meio da Diretoria Esportiva da SEEL. Para realizar um teste, basta o interessado comparecer ao local dos treinamentos, com documento de identidade (de preferência com foto) e passar por avaliação técnica realizada pela técnica responsável por cada modalidade. Outras informações podem ser obtidas no telefone 3496-5609.